IURD Cenáculo Brasilândia Rua,Parapuã,1885, V. Brasilândia, São Paulo, SP

Loading...

A autodisciplina

Sendo assim, não corro como quem corre sem alvo, e não luto como quem esmurra o ar.
Mas esmurro o meu corpo e faço dele meu escravo, para que, depois de ter pregado aos outros, eu mesmo não venha a ser reprovado.1Cor.9.26-27


Aquele que não sabe curvar-se à disciplina de fora,que não sabe obedecer,não dará um bom líder. Nem o dará aquele que não aprendeu a impor disciplina a si mesmo. Os que zombam da autoridade bíblica ou legal, ou se rebelam contra ela, raramente estão qualificados para altos postos de liderança. Paulo se impôs uma rigorosa disciplina interior em duas áreas,como vimos nos versos acima.

Ele expressava um temor autêntico,uma real possibilidade. Ele ainda não havia completado o curso; mesmo sua vasta experiência e grandes sucessos não o tornaram imune às sutis tentações do corpo. Para que seu ministério não fosse interrompido, ele estava disposto a trazer seus apetites corporais sob tão estrita autodisciplina como o faziam os atletas da época.

O cristão está sujeito ao perigo de ser derrotado pela excessiva indulgência com os apetites carnais,ou pela preguiça, e isto exige severa autodisciplina. no outro prato da balança encontra-se o excesso de atividade física que leva à fadiga e à exaustão. O cristão deve esta preparado para trabalhar duro, mais do que os demais, mas um homem exausto cai facilmente presa do adversário. Devemos estar vigilantes, guardando-nos contra ambos os extremos.

Ele guerreava com seus pensamentos." As armas com as quais lutamos não são humanas; pelo contrário, são poderosas em Deus para destruir fortalezas.
Destruímos argumentos e toda pretensão que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levamos cativo todo pensamento, para torná-lo obediente a Cristo.


Paulo sabia que o pecado tem origem nos pensamentos,daí seu constante esforço por trazê-los sob o controle de Cristo, evitando assim que vagueassem. É preciso mais do que vigorosa força de vontade para trazer e manter o corpo e a mente sob controle divino, mas Deus fez provisão para isto. Mas o fruto do Espírito e domínio próprio.(Gl.5.23). O segredo de Paulo era que ele estava " cheio do Espírito" e este fruto desejável era produzido com abundância em sua vida.

Use a sua Fé para se encher do Espírito,e a sua Revolta estará a serviço de Deus,que por sua vez ti dará o domínio sobre toda e qualquer situação !

Revolta!! Esta é a Fé que agrada a Deus !

Deus te oriente,na Fé !

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos comentários são bem vindos.

Porém, se o seu comentário,conter qualquer tipo de agressão, ofensa ou desrespeito para com a Instituição Igreja Universal, para com seus líderes ou para com o autor deste blog, removeremos seu comentário sem aviso prévio.

Desde já agradeço o comentário.

Que Deus nos oriente,na Fé!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...