IURD Cenáculo Brasilândia Rua,Parapuã,1885, V. Brasilândia, São Paulo, SP

Loading...

Estrutura Montada para um Futuro Governo Mundial; Fim dos tempos ???

A reportagem de capa da Folha Universal dessa semana,traz a tona uma matéria que é especulação no mundo todo. A tecnologia a serviço da nova ordem mundial. Cidadãos do mundo inteiro estão alertas com as espionagem do governo norte americano, e situação pode piorar com o continuo avanço de tecnologias. Veja a reportagem na integra aqui e descubra um pouco do que diz a bíblia a esse respeito.

Ameaça na pele

Cidadãos do mundo todo estão assustados com espionagem do governo dos Estados Unidos, e situação pode piorar com novas tecnologias

Em um mundo globalizado, com pessoas conectadas por meio das mais avançadas ferramentas tecnológicas, as informações entre todos os seres humanos circulam livremente. No entanto, qual é o risco que a humanidade corre se o poder de monitorar e até de manipular essas informações estiver nas mãos de uma única pessoa? E se essa pessoa tiver acesso ao mundo todo em tempo real, mesmo sem os indivíduos estarem conectados a um telefone ou computador?


“Se você pode controlar a internet, se você pode começar a ajustar o que as pessoas dizem ou interceptar informações, você se torna muito, muito poderoso. É o tipo de poder que, se estiver nas mãos de um governo corrupto, dá a ele a capacidade de se manter no poder para sempre”, arriscou dizer em entrevista ao jornal “The Telegraph” o físico inglês Tim Berners-Lee, um dos criadores da World Wide Web (www) e considerado o pai da internet.


Se a perpetuação no poder for possível com o controle sobre a internet, segundo avaliou o criador da rede mundial de computadores , o mundo agora cobra do presidente Barack Obama uma explicação para a denúncia de que os órgãos responsáveis pela inteligência dos Estados Unidos têm acesso irrestrito todos os dias aos registros de milhões de chamadas telefônicas, seja em ligações domésticas ou internacionais, além de dados dos servidores das principais empresas da internet mundial, dentre elas Microsoft, Yahoo!, Facebook, YouTube, Skype e Apple.


“Não podemos ter 100% de segurança com 100% de privacidade e sem nenhum inconveniente. Quando eu assumi o meu mandato, prometi duas coisas: o respeito à Constituição e a proteção dos cidadãos americanos”, tentou justificar Obama, que ainda alegou, em vão, que o monitoramento era feito com base em dados de telefonemas e não em escutas e também que os cidadãos norte-americanos não eram monitorados, apenas pessoas com risco de ligação ao terrorismo.


As declarações de Obama não convenceram nem mesmo os cidadãos norte-americanos, que em ampla maioria disseram, em pesquisa feita pela Reuters/Ipsos, ser contra a espionagem sem autorização, sendo que mais de um terço dos entrevistados considerou a atividade completamente inaceitável. Para piorar a imagem de Obama diante da revelação feita pelos jornais “The Guardian” e “Washington Post”, de que ligações telefônicas e comunicações via internet de milhões de cidadãos estavam sendo monitoradas, o próprio denunciante, um ex-funcionário do governo norte-americano, foi a público confirmar suas declarações e ainda rebateu a primeira explicação de Obama.


Ex-funcionário da CIA que trabalhava como terceirizado na Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos (NSA) , Edward Snowden, de 29 anos, abandonou sua vida no Havaí e foi para a China divulgar ao mundo o escândalo de espionagem comandado por Obama, que usou o programa chamado Prism. Edward ainda declarou que, sim, os cidadãos norte-americanos também são vigiados, diferentemente do que disse o presidente.


“A NSA construiu uma infraestrutura que permite interceptar tudo. Com a capacidade que ela tem, a maior parte da comunicação estabelecida entre os seres humanos na rede seria automaticamente registrada, sem que houvesse um alvo, um objetivo para tal. Se eu quisesse ver seus e-mails ou o telefone da sua esposa, tudo o que eu precisaria era usar esses mecanismos de interceptação do Prism. Poderia ter acesso a e-mails, senhas, gravações de telefone, cartões de crédito”, revelou Edward, lembrando que o Prism começou a ser colocado em prática em 2007. Ou seja, tudo que circulou na web desde então pode ter sido visto e até manipulado pelo governo norte-americano, sem contar os dados e as informações obtidos por meio de ligações telefônicas. Além de outros programas, que não são do conhecimento de Edward.


Tecnologias para vigiar os cidadãos de todo o mundo não faltam. E vão além da rede mundial de computadores e dos telefonemas. O acesso aos dados dos cidadãos do mundo permite monitorar os passos de cada ser humano, o que é fácil atualmente com diferentes programas de localização presentes em computadores e também nos smartphones, cada vez mais difundidos pelo mundo.


Além disso, há milhões de câmeras espalhadas pelo mundo, aviões não tripuláveis e satélites artificiais espalhados em órbita da Terra. Há também informações colhidas diariamente em cartões bancários. Os dados dos cartões, com informações sobre tudo que se compra e por onde cada um realiza suas transações, também são armazenados em um chip.


O chip, exigência para passaportes de países que entram nos Estados Unidos, é um circuito eletrônico miniaturizado que armazena todo tipo de dado e também pode ser monitorado à distância. Essa tecnologia é usada de diferentes formas, além do cartão de crédito, e até já foi adotada em uniformes escolares para monitorar a frequência de alunos, diante da possibilidade instantânea de vigilância pelo chip.


Esse microchip já é inclusive anunciado pelo mundo afora como a revolução da tecnologia mundial pela possibilidade de ser implantado de alguma forma ao ser humano, sem a necessidade de uniforme, celular, smartphone, cartão de crédito ou qualquer aparelho que tenha de ser utilizado pelos homens.


A ideia, já desenvolvida por empresas de tecnologia, é colocar os chips nos seres humanos de alguma maneira, seja sob a pele, por meio de pílula e até mesmo em um formato adesivo, semelhante a uma tatuagem, conforme demonstrado pela empresa Motorola durante conferência sobre inovações tecnológicas realizada na Califórnia, no fim de maio. Este chip eliminaria, entre outras coisas, a necessidade de cartões e senhas para compras. Bastaria acioná-lo.


Se os dados expostos em computadores e ligações telefônicas já dão poder a quem tem acesso a essas informações, imagine se alguém conseguir o controle sobre todos os seres humanos. Qual o risco que a humanidade corre se algum dia todos estiverem “chipados”, como tentam induzir os revolucionários da tecnologia, os mesmos que desenvolveram variados equipamentos de monitoramento e que estão entre os que fizeram acordo para permitir o esquema de espionagem comandado pelo governo norte-americano? O esquema de monitoramento mundial está pronto, como demonstrado na denúncia de espionagem comandada por Obama. Quem estiver com o chip, então, poderá facilmente ter todos os passos vigiados.


Essa situação deixa alguns cristãos apreensivos, pois a estrutura para que um governo mundial controlador seja instalado está praticamente pronta. Esse governo, liderado pelo indivíduo identificado como anticristo, está previsto na Bíblia para acontecer nos últimos dias. Além disso, o chip pode ser facilmente associado à marca ou selo da besta, profecia descrita no livro bíblico de Apocalipse. “A todos, os pequenos e os grandes, os ricos e os pobres, os livres e os escravos, faz que lhes seja dada certa marca sobre a mão direita ou sobre a fronte, para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tem a marca, o nome da besta ou o número do seu nome.” (Apocalipse 13:16-17)


“É óbvio que os atuais ensaios tecnológicos servirão para implantação do império do anticristo, no futuro”, alerta o bispo Edir Macedo, que diz não ter preocupação com o desenvolvimento dos chips, já que o reinado do anticristo só acontecerá depois que a Igreja for arrebatada e o Espírito Santo se retirar do mundo.


“Aqueles que se dizem cristãos e que, na verdade, não têm compromisso com o Senhor Jesus, vão ficar para trás e estarão sujeitos às perseguições implacáveis da besta. Os que agem dessa forma, juntamente com os demais incrédulos, devem estar superpreocupados, porque eles não têm a certeza da salvação. Esses, sim, terão que se submeter aos chips ou a qualquer outro sistema de controle imposto pelo anticristo”, completou.


Na história da humanidade, as guerras sempre tiveram informações desencontradas e manipulação de dados como desencadeadores do combate. Imagine então o cenário mundial com todos os seres humanos acessíveis e prontos para serem manipulados. Quem tiver seus passos monitorados estará fragilizado, pois será alvo de manipulação e não terá como escapar dos olhos do anticristo.


“Quando a besta estiver reinando em todo o mundo, sob o domínio do anticristo, ela não dará opção para as pessoas”, reforça o bispo, alertando para a importância de buscar ter um encontro com Deus enquanto é tempo. A Bíblia ensina que “O mistério da iniquidade já opera e aguarda somente que seja afastado aquele que agora o detém.” (2Tessalonicenses 2:7) O “mistério da iniquidade” já é a besta. “Aquele que o detém” é o Espírito Santo. O nascido de Deus não tem do que se preocupar, mas quem não tem certeza de sua salvação, deve encarar os recentes avanços como um alerta de que não há mais tempo a perder


Fonte: Folha Universal

redacao@folhauniversal.com.br'

Que Deus nos oriente,na Fé!!

Um comentário:

  1. Ainda bem que tem cristãos em alerta com os fenômenos mundiais em respeito ao futuro do cristianismo,concordo com tudo boa matéria Geraldo . Deus abençoe!

    Ezequiel Domingues dos Santos
    www.ezequiel-domingues.blogspot.com

    ResponderExcluir

Todos comentários são bem vindos.

Porém, se o seu comentário,conter qualquer tipo de agressão, ofensa ou desrespeito para com a Instituição Igreja Universal, para com seus líderes ou para com o autor deste blog, removeremos seu comentário sem aviso prévio.

Desde já agradeço o comentário.

Que Deus nos oriente,na Fé!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...